Crônicas

A matemática fora de esquadro
Arnaldo niskier



Cada vez existe maior convencimento de que a Matemática é essencial para os nossos alunos. Aliás, devemos pensar igualmente na importância da língua portuguesa e da ciência matemática.

É com tristeza que verificamos que há uma deficiência patente no trato de conhecimentos como o cálculo das probabilidades e até mesmo no famoso teorema de Petágoras (o quadrado da hipotenusa é igual à soma dos quadrados dos catetos). É um absurdo os nossos jovens encontrarem dificuldades para desenvolver esses simples conceitos.

Estudos desenvolvidos pela Secretaria de Estado de Educação de São Paulo provam que só 6% dos alunos atingem o patamar adequado, ou seja, 94% estão fora de padrões sequer razoáveis. As autoridades pedagógicas irão oferecer recuperação no contraturno, com 4 a 10 horas semanais de aulas complementares para alunos com maior defasagem. Para aumentar a oferta desse reforço estão sendo preparados vídeos com opções de abordagens diferentes e estagiários serão convocados para esse treinamento no ensino fundamental. Frise-se que a pandemia agravou bastante esse quadro, causando enorme prejuízo educacional.

O problema não se resume a São Paulo, mas é rigorosamente nacional. Quem pensa que não existe o fenômeno no Rio de Janeiro ou em Minas Gerais está redondamente enganado. O fato de as crianças passarem um longo tempo sem os estudos necessários provocou lamentáveis esquecimentos. Isso precisa agora ser recuperado com a eficiência necessária.

O ensino remoto, não apenas em Matemática, mas nas demais matérias apresentou deficiências incríveis. A ausência de contato com os conteúdos escolares pode ter levado também ao esquecimento do que os alunos haviam apreendido. O esforço de recuperação precisa agora ser redobrado.

Temos hoje um quadro dramático. Os alunos não conseguem identificar a idéia central de um texto simples ou não sabem analisar, como se verificou, informações em gráficos e tabelas. Há deficiências até mesmo quando se trata de problemas simples envolvendo uma das quatro operações fundamentais(adição, subtração, multiplicação e divisão). Estamos precisando da necessária reação.

  • Twitter - Arnaldo Niskier